“Chegai-vos a Deus e Ele se chegará a vós…” (Bíblia Sagrada = Tiago cap. 4, vers. 8)

Há duas afirmações que pertencem, tanto ao campo da Bíblia Sagrada, como ao da própria filosofia popular: 

Primeira:  DEUS É SANTO E BOM;

Segunda: O HOMEM É PECADOR E MAU EM SEUS INSTINTOS; 

Sendo conhecido o teor do ditado: “ERRAR É HUMANO, PERDOAR É DIVINO”. 

Diante de tais considerações, é possível admitir um contato real com Deus? 

Por estranho que pareça, isso é não somente possível, mas desejável, tanto da parte do homem como a partir da iniciativa do próprio Deus. 

A Bíblia nos mostra que, através do nosso livre arbítrio, nós nos aproximamos ou nos distanciamos de Deus. 

Aproveite esse “elemento de contato” una-se a Deus e seja promovido ao estado de santidade que o faz não mais um ser humano comum, mas um filho de Deus e co-herdeiro do seu reino.